Home | Notícias | Fotos | Vídeos | Anúncie | Contato

Sexta-feira, 20 de Outubro de 2017





Zeca admite que recebeu de Joesley doação oficial de R$ 1 milhão em 2010
Ex-governador negou que tenha cobrado propina entre 1999 a 2006


19 de Junho de 2017 - 10:55           principal  |  imprimir - Enviar Materia

 

Zeca admite que recebeu de Joesley doação oficial de R$ 1 milhão em 2010

 
 

O deputado federal e ex-governador Zeca do PT rebateu as acusações feitas pelo empresário Joesley Batista, da JBS, de que teria sido o petista a iniciar a cobrança de propina em Mato Grosso do Sul em troca de benefícios fiscais para empresas do grupo, porém admitiu ter recebido doação do homem que fechou a delação que abalou a república.

Zeca afirma que recebeu R$ 1 milhão em doação da JBS, via Partido dos Trabalhadores. À época o petista disputava eleição pelo governo estadual contra André Puccinelli (PMDB), e revelou ter sido procurado pelo dono da JBS, que teria lhe oferecido ajuda na campanha.

“Ele viu que eu tinha chance de ganhar. Mas, infelizmente eu perdi”, disse Zeca à reportagem durante agenda pública na manhã desta segunda-feira (19), na Capital, onde acompanha o ministro do Desenvolvimento Social, Osmar Terra (PMDB-RS) e o governador Reinaldo Azambuja (PSDB).

O deputado federal, que cogita disputar uma cadeira no Senado em 2018, pontuou que só conheceu Joesley em 2010, ou seja, quatro anos após deixar o governo. Até então, ele afirma que conhecia apenas o ‘Júnior da Friboi’ (José Batista Júnior), irmão mais velho de Wesley e Joesley.

“ Falar até papagaio fala. Se não tiver provas e condenar vão cair do cavalo, a lei é clara quanto ao ônus da prova, que cabe a quem acusa”, disparou Zeca, que frisou ainda que poderá tomar as ‘medidas cabíveis’ contra o empresário.

Em entrevista à Revista Época, Joesley afirmou que o esquema de pagamento de propina levado à cabo pela JBS teve início em Mato Grosso do Sul, na gestão de Zeca, e se manteve com Puccinelli e Azambuja.











Plantão

.
19/10/2017 - 22:50   Vereadora Lourdes Struziati visita gabinete deputado Pedro kemp e João Grandão
19/10/2017 - 21:25   Cavalo morre enforcado ao tentar beber água em córrego
19/10/2017 - 17:36   Sanesul de Itaporã comunica que faltará água em 13 bairros nesta sexta-feira
19/10/2017 - 16:50   Itaporã: chuva chega após tempestade de Terra amenizando o calor
19/10/2017 - 14:31   Ventania derruba árvore e destrói Blazer comprada há uma semana em Dourados
19/10/2017 - 14:22   Nova série da Netflix, ´O Justiceiro´ ganha data de estreia
19/10/2017 - 14:17   Com estoque quase zerado, Hemosul necessita de sangue O positivo e negativo
19/10/2017 - 14:14   Após briga em banho de sol, lutador e Nando podem ser transferidos de presídio
19/10/2017 - 14:09   Águas Guariroba está entre as 150 melhores empresas para se trabalhar no Brasil
19/10/2017 - 14:05   Casal é detido por dar aulas de crossfit sem autorização do Conselho
19/10/2017 - 14:02   Deputados cogitam liminar para retorno dos abates em frigoríficos no Estado
19/10/2017 - 13:58   Manifestantes tentam entrar na Assembleia com faca, bebida e explodem bomba
19/10/2017 - 13:54   Corrêa garante que CPI vai entrar com liminar para retomada de abates
19/10/2017 - 13:51   Suspeito de abusos sexuais oferecia presentes para menores
19/10/2017 - 13:46   Novo trecho do macroanel rodoviário ligará saídas de Cuiabá e Rochedo
19/10/2017 - 12:59   Em Itaporã tempestade de terra deixa município em Alerta
19/10/2017 - 10:08   Batata e alface registram menores preços nas gôndolas
19/10/2017 - 10:00   Estudante de medicina é presa levando ossada para envernizar em chácara
19/10/2017 - 09:38   Jornalista é preso em flagrante depois de receber R$ 7 mil de prefeito
19/10/2017 - 09:33   Lutador que matou hóspede e Nando trocam agressões em presídio
 
 


















Itapora Agora - Onde a Noticia Acontece

(67) 8171-8561 - Mande um whats!