Contato: (67) 98186-1999 - Mande um whats!
Home | Notícias | Fotos | Vídeos | Anúncie | Contato

Sábado, 19 de Janeiro de 2019





Transexual comemora título de eleitor com nome social: ´significa muito´



11 de Janeiro de 2019 - 07:38           principal  |  imprimir - Enviar Materia

 

 
 

Para Di Anna, transexual de 36 anos, ter o nome social nos documentos pessoais é uma vitória. Para isso, em 2018, ela entrou com uma petição junto ao TRE/MS (Tribunal Regional Eleitora de Mato Grosso do Sul), solicitando a inclusão de seu nome social no título de eleitor. Na semana passada, o processo terminou e ela já está com o documento em mãos.

Formada em Análises de Sistemas e Filosofia, Di Anna trabalha como consultora de negócios e digital influencer, em Bonito. Ela escolheu o nome porque ele "representa a força e a pureza do ideal feminino", e fez questão de tê-lo em seu documento eleitoral por conta dos constrangimentos que já passou em locais de votação.

Ao portal G1, Di Anna conta que o título de eleitor foi o primeiro dos documentos a ser mudado, mas, já iniciou o processo para mudança de nome e gênero de todos os documentos pessoais, que são permitidos por lei. Ela vê no próprio exemplo uma forma de levar informação para outras pessoas que sentem-se constrangidas por não serem chamadas pelo nome social.

Moradora de Bonito há 7 anos, ela se diz muito conhecida na cidade por trabalhar com muitas empresas ligadas ao turismo, e acaba conhecendo muitos pessoas passam férias na região. Di Anna acredita que é a primeira transexual da cidade a ter o documento com nome social, pois as informações não são divulgadas em cidades do interior.

“Tive que ligar no TRE em Campo Grande e me informar. Muitas pessoas nem sabem que têm esse direito”, explica.

Ela conta que ao final do processo, foram impressos dois títulos, um com nome de nascimento e o outro com o nome social. O de nascimento ficou retido, e ela já saiu com o título de eleitor com o nome que escolheu ser chamada: "Tenho a certeza de que vou poder exercer minha cidadania nas próximas eleições, com muito mais conforto e sem constrangimentos", finaliza. 











Plantão

.
19/01/2019 - 09:47   Hoje é dia de churrasco no Restaurante e Choperia Rei dos Espetos
19/01/2019 - 09:17   Jovem comete suicídio após escrever bilhete e trocar mensagens com a namorada
19/01/2019 - 09:15   Campanha vai orientar pescadores sobre proibição da pesca ao Dourado em MS
19/01/2019 - 09:12   A dessalinização da água do mar pode acabar com a sede
19/01/2019 - 09:08   Resumo de Novelas: Ondina provoca Sampaio, expondo seu amor por Valentina
19/01/2019 - 08:42   WhatsApp limita compartilhamento de mensagens para até 5 pessoas
19/01/2019 - 08:34   Novidades Netflix: Serial killers, genocídios e zumbis estão nos originais da semana
19/01/2019 - 08:31   Previdência: reforma chega ao Congresso em meados de fevereiro
19/01/2019 - 08:30   Funcionária de peixaria é importunada sexualmente e homem é preso em flagrante
19/01/2019 - 08:25   Homem com sinais de embriaguez morre ao cair da cachoeira do Inferninho
19/01/2019 - 08:21   Justiça tenta localizar 70 mil devedores ´desaparecidos´ de Campo Grande
19/01/2019 - 08:18   Jovem é preso após ser flagrado pichando bancos da Orla Morena
19/01/2019 - 08:15   Com 17 mil inscritos, concurso do IFMS aplica prova amanhã em Campo Grande
19/01/2019 - 08:12   Guia do futebol: o que você precisa saber sobre o 41º Estadual de MS
19/01/2019 - 08:10   Ceptec emite alerta de chuvas intensas em todo o Estado, mas calorão continua
19/01/2019 - 08:07   Morador de rua tenta furtar veículo de dentro de casa e é linchado por vizinhos
19/01/2019 - 07:45   Operação reforça abordagens a suspeitos e veículos na fronteira
19/01/2019 - 07:37   Cleo Pires arrasa de topless na praia e comenta o bronze: "torrada na foto"
19/01/2019 - 07:35   Estadual de futebol começa hoje com estreia do tigre douradense
19/01/2019 - 07:30   Marcelo Yuka, fundador d´O Rappa, morre aos 53 anos no RJ
 
 


















Itapora Agora - Onde a Noticia Acontece

(67) 98186-1999 - Mande um whats!