Contato: (67) 98186-1999 - Mande um whats!
Home | Notícias | Fotos | Vídeos | Anúncie | Contato

Terça-feira, 21 de Agosto de 2018





Soja transgênica modernizou a economia brasileira



11 de Junho de 2018 - 16:44           principal  |  imprimir - Enviar Materia

 

 
 

Um grupo de cientistas descobriu que a soja geneticamente modificada ajudou a modernizar a economia brasileira. De acordo com Jacopo Ponticelli, professor associado de finanças da Kellogg School, Bruno Caprettini, da Universidade de Zurique, e Paula Bustos, do Centro de Estudos Monetários e Financeiros da Espanha, o crescimento econômico do Brasil na última década se deve, principalmente, a soja. 

A principal motivação para a realização do estudo foi o fato dos agricultores abandonarem suas plantações para irem trabalhar no setor industrial, o que acaba gerando um crescimento econômico. Ponticelli afirma que o movimento começou após a legalização de uma semente transgênica resistente à herbicidas, o que propiciou uma diminuição da mão de obra rural, já que os produtores não necessitavam mais remover as pragas, mas sim matá-las, um processo bem menos trabalhoso e demorado.

"Se pensarmos que o setor manufatureiro desempenha um papel fundamental para o crescimento econômico no longo prazo - porque a maioria das patentes, a pesquisa e desenvolvimento, a inovação acontece lá -, então novas tecnologias agrícolas não são más notícias, necessariamente", comenta.

De acordo com o relatório da pesquisa, esse papel fundamental descrito por Ponticelli ocorre de duas maneiras diferentes. Na primeira, a tecnologia facilita a liberação dos trabalhadores rurais de suas funções agrárias para buscar emprego na indústria, permitindo que esse setor cresça com isso. Já a segunda acontece quando os produtores donos das terras acabaram, por consequência, aplicando mais dinheiro no banco, o que permitiu que as instituições financiassem mais empresas de manufatura e serviços porque os centros urbanos conseguiram obter acesso mais barato ao crédito.











Plantão

.
21/08/2018 - 11:19   Carro carregado com maconha é apreendido na Capital
21/08/2018 - 11:19   Mega pode pagar prêmio de R$ 27,5 milhões amanhã
21/08/2018 - 11:18   Safra de cana estimada em 635 milhões de toneladas terá produção de 30 bilhões de litros de etanol
21/08/2018 - 10:36   Quer ser piloto de drone? Curso do Senai da Capital ensina como
21/08/2018 - 10:20   Polícia flagra caminhonete com meia tonelada de agrotóxico chinês
21/08/2018 - 10:19   Inadimplência do consumidor atinge 61,6 milhões no país
21/08/2018 - 10:18   Multas de trânsito já podem ser parceladas com cartão de crédito
21/08/2018 - 09:58   Vereadora Lourdes Struziati solicita Cascalhamento da ITA-35 , principal acesso ao Clube de Campo.
21/08/2018 - 09:35   Federação ajusta última rodada do Estadual Sub-19
21/08/2018 - 09:31   Traficante é preso acusado de vender droga próximo Escola Efantina no Flórida II
21/08/2018 - 09:30   Homem tenta incendiar a casa da ex-sogra para se vingar
21/08/2018 - 09:01   Morre aos 61 anos o jornalista Otavio Frias Filho
21/08/2018 - 09:00   Eleições 2018: 75% dos deputados federais devem se reeleger
21/08/2018 - 08:58   Inmet aponta para queda de temperatura em MS ao longo desta terça-feira
20/08/2018 - 23:27   APAE de Itaporã abre a Semana Nacional da Pessoa com Deficiência Intelectual e Múltipla
20/08/2018 - 22:49   Uma mulher foi presa e acusada de embriaguez ao volante em Itaporã
20/08/2018 - 16:39   Carreata do Zé Gotinha alerta sobre importância da vacinação infantil
20/08/2018 - 16:25   MPE pede que TSE recuse candidatura de Lula: ´Está inelegível´
20/08/2018 - 16:16   TRE-MS disponibiliza sistema para denúncias de práticas eleitorais ilegais
20/08/2018 - 16:15   Menina denuncia padrasto após estupros em série
 
 


















Itapora Agora - Onde a Noticia Acontece

(67) 98186-1999 - Mande um whats!