Contato: (67) 98186-1999 - Mande um whats!
Home | Notícias | Fotos | Vídeos | Anúncie | Contato

Terça-feira, 21 de Agosto de 2018





Simone pede mobilização contra Maia para suspender cobrança de bagagem
Simone Tebet diz que houve aumento irregular no preço dos voos


13 de Novembro de 2017 - 16:28           principal  |  imprimir - Enviar Materia

 

 
 

A senadora Simone Tebet (PMDB) sugeriu uma campanha inusitada, que tem como o alvo o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ). O objetivo é suspender a determinação da Anac (Agência Nacional de Aviação Civil) que permitiu a cobrança extra por despacho de bagagens pelas companhias aéreas.

De acordo com a peemedebista, o Senado já aprovou uma resolução que suspende a cobrança para despachar bagagem, e isso também já vou aprovado em uma comissão da Câmara, faltando apenas analise do plenário. Por isso, ela pede que a população pressione Maia a pautar o projeto.

“Se (a Câmara) aprovar não precisa nem da sanção do presidente da República, é uma resolução, é automaticamente publicada e passa a ter efeito imediato”, explicou a senadora.

A parlamentar também propôs a realização de audiência pública na Comissão de Assuntos Econômicos para discutir a possível ‘fraude’ na cobrança de bagagens. Ela quer a presença dos presidentes da Anac, das companhias áreas, da OAB (Ordem dos Advogados do Brasil ), do Cade (Conselho Administrativo de Defesa Econômica) e do responsável ela Conut (Confederação Nacional dos Usuários de Transportes Coletivos).

Ela afirmou que estudos do IBGE feitos desde que a cobrança passou a valer, em maio deste ano, mostram que enquanto a inflação no período não chegou a 1% as passagens áreas tiveram aumento médio de 16,9%.

“A Fundação Getúlio Vargas fez análise mais ampla e constatou que se levarmos em conta aumento de preço voos nacionais e regionais houve aumento de mais de 30%”, pontuou Simone.











Plantão

.
20/08/2018 - 23:27   APAE de Itaporã abre a Semana Nacional da Pessoa com Deficiência Intelectual e Múltipla
20/08/2018 - 22:49   Uma mulher foi presa e acusada de embriaguez ao volante em Itaporã
20/08/2018 - 16:39   Carreata do Zé Gotinha alerta sobre importância da vacinação infantil
20/08/2018 - 16:25   MPE pede que TSE recuse candidatura de Lula: ´Está inelegível´
20/08/2018 - 16:16   TRE-MS disponibiliza sistema para denúncias de práticas eleitorais ilegais
20/08/2018 - 16:15   Menina denuncia padrasto após estupros em série
20/08/2018 - 16:14   Fechamento de fronteira com Venezuela é impensável, diz Etchegoyen
20/08/2018 - 16:13   Baixa procura faz aérea cancelar voo entre Campo Grande e Assunção
20/08/2018 - 16:08   Estudante assassinada no Paraguai é filha de ex-prefeito no MT
20/08/2018 - 15:40   Governo define medidas para solucionar entrada de venezuelanos em Roraima
20/08/2018 - 14:35   Mais de 500 candidatos usam títulos religiosos no nome de urna
20/08/2018 - 14:05   Papa apela a católicos que ajudem a combater abusos
20/08/2018 - 13:56   Exército diz que 1,2 mil venezuelanos saíram do Brasil após violência
20/08/2018 - 13:45   Sicredi celebra 30 anos com festa para família no Belmar Fidalgo na véspera do aniversário da Capital
20/08/2018 - 13:35   Plano econômico de Nicolás Maduro entra em vigor na Venezuela
20/08/2018 - 13:03   Acusado da morte de Elvis Neguinho tem prisão preventiva decretada
20/08/2018 - 12:50   Felipe Fraga e Ricardo Zonta foram os ´nomes´ da sétima etapa da Stock Car
20/08/2018 - 12:35   Polícia apreende 800 mil maços de cigarros km 21 da BR-463 em Dourados
20/08/2018 - 12:25   Rauali Kind Mascarenhas é o novo Delegado de Policia Civil em Itaporã
20/08/2018 - 12:20   Alckmin pode perder tempo de propaganda na TV e rádio
 
 


















Itapora Agora - Onde a Noticia Acontece

(67) 98186-1999 - Mande um whats!