Contato: (67) 98186-1999 - Mande um whats!
Home | Notícias | Fotos | Vídeos | Anúncie | Contato

Quinta-feira, 17 de Janeiro de 2019





Senado pode votar reajuste a ministros do STF a partir de hoje



07 de Novembro de 2018 - 07:08           principal  |  imprimir - Enviar Materia

 
O Senado Federal decidiu nesta tera-feira, dia 06 de novembro, incluir na pauta de votao a anlise de dois projetos que preveem reajuste para ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) e para o procurador-geral da Repblica.

Na prtica, com a deciso, o reajuste j pode ser votado no plenrio a partir desta quarta-feira (7).

Para a votao acontecer, porm, o presidente da Casa, Euncio Oliveira (MDB-CE), ter de designar um senador para relatar os projetos em plenrio. Ou seja, dever opinar favoravelmente ou contrariamente ao reajuste. Depois disso, o texto ser votado.

Entenda
Apresentados pelo STF e pela PGR, os dois projetos foram aprovados pela Cmara em 2016.

Os textos preveem que, a partir de junho de 2016, os salrios de ministros do STF e do procurador-geral da Repblica passariam de R$ 33,7 mil para R$ 36,7 mil e, a partir de janeiro de 2017, R$ 39,2 mil.

Caber ao relator designado por Euncio Oliveira propor a partir de quando os reajustes vo valer ou se a diferena acumulada at a aprovao do projeto ser paga de forma retroativa.

Opinies dos senadores

Nas comisses do Senado, as propostas receberam opinies favorveis e contrrias de senadores.

Na Comisso de Assuntos Econmicos (CAE), o senador Valdir Raupp (MDB-RO), por exemplo, posicionou-se favoravelmente ao reajuste.

Ricardo Ferrao (PSDB-ES), por outro lado, disse ser contrrio concesso do reajuste.

A senadora Gleisi Hoffmann (PT-PR) criticou a forma como o pedido de incluso em pauta foi aprovado pelo Senado nesta tera, sem discusso e com rapidez, afirmando que foi na "surdina".










Planto

.
17/01/2019 - 10:08   Hoje tem *Bisteca frita * no Restaurante e Choperia Rei dos Espetos
17/01/2019 - 09:00   Ex-presidente do Naviraiense condenado por desviar R$ 247 mil
17/01/2019 - 08:54   Mais de 6,4 mil microempresas devem R$ 136 milhes Receita
17/01/2019 - 08:43   Alerta de tempestade para 8 cidades e caloro de 38C em MS nesta quinta-feira
17/01/2019 - 08:40   DOF apreende dois veculos com contrabando do Paraguai na MS-141
17/01/2019 - 08:39   Em 15 dias, Corumb lidera ranking de queimadas no Brasil
17/01/2019 - 08:33   Com rival de Marcelo Piloto na mira, polcia vai s ruas para prender 19
17/01/2019 - 08:24   Ex-candidato a prefeito e tio de Pavo morto em ataque de grupo armado
17/01/2019 - 08:20   Em Corumb, banco fiscaliza ocupaes irregularidades em imveis do Minha Casa, Minha Vida
17/01/2019 - 08:16   Em Rio Brilhante, adolescente flagrado abusando da prima de 5 anos
17/01/2019 - 08:04   Em Caarap, homem simula sequestro para enganar me e acaba preso
17/01/2019 - 08:00   Corpo de jovem encontrado s margens da BR-163 em Juti
17/01/2019 - 07:47   Me salva por filho de assalto tentou correr atrs de bandidos
17/01/2019 - 07:40   Com faca, assaltante aterroriza jovens e acaba preso em Dourados
17/01/2019 - 07:20   Em Glria de Dourados, PM prende homem que esfaqueou ex-mulher
17/01/2019 - 07:00   Em Campo Grande, atentado tem batida, dois mortos e adolescente baleado
17/01/2019 - 06:50   Ator de Tropa de Elite sofre acidente e internado em estado grave
17/01/2019 - 06:30   Depois de decreto, dobra nmero de procura por armas em lojas
17/01/2019 - 06:20   PF prende suspeito de participar de assassinato de lderes do PCC
17/01/2019 - 06:18   Como passar despercebido no WhatsApp mesmo conectado? 3 truques para alcan-lo
 
 


















Itapora Agora - Onde a Noticia Acontece

(67) 98186-1999 - Mande um whats!