Contato: (67) 98186-1999 - Mande um whats!
Home | Notícias | Fotos | Vídeos | Anúncie | Contato

Quinta-feira, 18 de Outubro de 2018





Planalto reconhece aumento de desgaste com nova decisão contra posse de ministra
ão foi a primeira vez que a Justiça negou pedido para viabilizar a posse


11 de Janeiro de 2018 - 07:20           principal  |  imprimir - Enviar Materia

Foto: Divulgação

 

Planalto reconhece aumento de desgaste com nova decisão contra posse de ministra

 
 
Um ambiente de desânimo tomou conta do núcleo do governo com nova decisão do Tribunal Regional Federal da 2ª Região (TRF2), que negou na noite desta quarta-feira (10) recurso apresentando pela deputada federal Cristiane Brasil (PTB-RJ) contra a liminar que a impede de assumir o Ministério do Trabalho.

Não foi a primeira vez que a Justiça negou pedido para viabilizar a posse. Na tarde de terça (9), o TRF2 negou recurso da Advocacia-Geral da União (AGU) para garantir a posse. A AGU e a deputada recorreram da decisão judicial que suspendeu a posse após o G1 revelar que Cristiane Brasil foi condenada a pagar R$ 60 mil por dívidas trabalhistas com dois ex-motoristas.

Avaliação realista feita por interlocutores de Temer – logo depois da decisão do juiz federal Vladimir Santos Vitovsky – é de que o governo entrou numa agenda negativa sem solução.

E a tendência é que o desgaste só vai aumentar, já que não há qualquer movimento do PTB de recuar da indicação de Cristiane Brasil.

Diante disso, a ordem no Palácio do Planalto é manter o apoio ao PTB, e com isso, pelo menos capitalizar politicamente junto ao aliado o gesto de solidariedade. Tanto que o ministro da articulação política, Carlos Marun, afirmou ao Blog que o governo manterá a indicação de Cristiane Brasil, mesmo com nova decisão da Justiça.









G1










Plantão

.
18/10/2018 - 18:47   Polícia Militar em Maracaju Recupera motocicleta furtada por adolescente de 13 anos.
18/10/2018 - 18:22   Corpo de africano é resgatado de lago
18/10/2018 - 17:53   Cartões de confirmação do Enem serão liberados na segunda-feira
18/10/2018 - 17:36   Pagamento do 13º salário injetará R$ 2,6 bilhões na economia de Mato Grosso do Sul
18/10/2018 - 17:36   Brasil tem 477 grávidas e lactantes no sistema carcerário; MS tem 19
18/10/2018 - 17:20   Inscrições para especialização a distância oferecida pelo IFMS vão até dia 22
18/10/2018 - 17:18   WhatsApp esvazia debate na campanha eleitoral deste ano
18/10/2018 - 17:17   Homem foge com veículo roubado que dá problema e ele acaba preso
18/10/2018 - 17:15   Operação contra o tráfico e facção criminosa prende 6 na Capital
18/10/2018 - 17:13   Afogamento de africano ocorreu após apostar garrafa de cachaça com colega
18/10/2018 - 17:06   Senai, UFMS e Fiocruz vão desenvolver pesquisas em conjunto para indústrias de MS
18/10/2018 - 17:00   CCR MSVia abre novas vagas no Serviço de Atendimento, SAU
18/10/2018 - 11:09   Mergulhadores continuam buscas por corpo de homem no lago da rodoviária
18/10/2018 - 10:58   Playboy da mansão é morto com tiro nas costas enquanto bebia com amigos
18/10/2018 - 10:57   BR-163/MS passa por obras e serviços da CCR MSVia
18/10/2018 - 10:50   Bruna Marquezine é clicada durante mergulho em Noronha
18/10/2018 - 10:40   Dólar abre em alta a R$ 3,68 e Bolsa de Valores opera em queda
18/10/2018 - 10:30   Após denúncia anônima, polícia recupera pick up roubada com 1t de maconha
18/10/2018 - 09:40   Câmara propõe a criação da semana nacional do feijão e arroz
18/10/2018 - 09:30   Locais de prova do Enem poderão ser consultados na segunda-feira
 
 


















Itapora Agora - Onde a Noticia Acontece

(67) 98186-1999 - Mande um whats!