Contato: (67) 98186-1999 - Mande um whats!
Home | Notícias | Fotos | Vídeos | Anúncie | Contato

Quinta-feira, 21 de Junho de 2018





PMDB avalia adiar convenção em que Puccinelli assumiria presidência
Ex-governador foi preso nesta terça-feira, durante operação da Polícia Federal


14 de Novembro de 2017 - 11:49           principal  |  imprimir - Enviar Materia

 

 
 

A prisão do ex-governador André Puccinelli pela Polícia Federal, nesta terça-feira (14), acusado de comandar esquema que desviou R$ 235 milhões dos cofres públicos, poderá adiar a convenção do partido programada para o próximo sábado, às 8h30, no Golden Class, em Campo Grande. No encontro, Puccinelli seria aclamado novo presidente regional da sigla em substituição ao atual presidente, o deputado estadual Junior Mochi.

Na Assembléia Legislativa, os deputados da bancada do PDMB anunciaram que irão se reunir hoje mesmo para decidir o que fazer sobre a convenção e avaliar os reflexos da situação da prisão do ex-governador de Mato Grosso do Sul no período entre 2007 e 2015, e principal líder do partido no Estado.

“Estou sabendo das informações pela imprensa. Nós deputados vamos nos reunir até para discutir o tema, mas precisamos conversar com os advogados e conhecer o que realmente está acontecendo”, declarou o deputado Junior Mochi, que além de presidente regional do PMDB, também é o presidente da Assembléia Legislativa. “Até o final da tarde de hoje queremos ter um posicionamento sobre o fato e sobre a convenção do PMDB”, frisou.

 

Para o deputado Paulo Siufi, o ex-governador continua como potencial candidato ao Governo do Estado nas eleições de 2018, mas ressaltou que o momento pede cautela. “Precisamos tomar conhecimento do processo, saber se existe um fundo de verdade nas denúncias e não podemos fazer pré-julgamento. Vamos aguardar”, afirmou ele.

“Não temos como fazer uma avaliação antecipada. Precisamos entender o que está acontecendo para não tomar decisões precipitadas. Como amigo do André estou triste e espero que ele consiga provar sua inocência”, disse o deputado estadual Eduardo Rocha.











Plantão

.
21/06/2018 - 16:01   Argentina perde para a Croácia, se complica na Copa e depende de terceiros
21/06/2018 - 15:55   Distribuidoras estão sem gás e afirmam que problema é na Petrobras
21/06/2018 - 15:53   Genro de Silvio Santos pode ser preso no aeroporto na volta dos EUA
21/06/2018 - 08:28   Câmara de Itaporã votará na próxima segunda projeto ´Mãos solidárias´
21/06/2018 - 08:22   Caminhão abandonado é encontrado pela PRF com três toneladas de maconha
21/06/2018 - 08:16   Cheque da desembargadora Tânia Borges é encontrado em investigação do Gaeco
21/06/2018 - 08:15   Trump assina ordem para manter crianças migrantes detidas junto com os pais
21/06/2018 - 08:14   Desembargador suspende depoimento de Lula em ação da Operação Zelotes
21/06/2018 - 08:13   Ativista pede punição a brasileiros que assediaram mulher na Rússia
21/06/2018 - 08:12   Supremo tem 5 votos para derrubar lei que proíbe sátiras em período eleitoral
21/06/2018 - 08:10   Governo de Mato Grosso do Sul é contrário à venda direta do etanol
21/06/2018 - 07:48   Motorista de trator morre depois de ser atingido na traseira por caminhonete
21/06/2018 - 07:45   Segundo a polícia, vítima de acidente fatal pode ter invadido a contramão
21/06/2018 - 07:44   PSD admite lançar Fábio ao governo com a desistência de pré-candidato
21/06/2018 - 07:37   Diesel cai R$ 0,62 em distribuidoras e apenas R$ 0,32 nos postos de MS
20/06/2018 - 18:43   49 crianças brasileiras estão separadas de pais nos EUA, diz nova lista
20/06/2018 - 17:38   Para Longen, instalação de montadora de veículos elétricos trará mais inovação a MS
20/06/2018 - 17:28   Itaporã adquiri triciclo para pintura de guias e sinalização horizontal
20/06/2018 - 16:30   Mala com ´simulacro de bomba´ é encontrada na Câmara dos Deputados
20/06/2018 - 14:57   Terceirização da Sanesul pode sair ainda nesse ano, diz Azambuja
 
 


















Itapora Agora - Onde a Noticia Acontece

(67) 98186-1999 - Mande um whats!