Contato: (67) 98186-1999 - Mande um whats!
Home | Notícias | Fotos | Vídeos | Anúncie | Contato

Domingo, 27 de Maio de 2018





Operação contra corrupção policial tem dois tenentes-coronéis da PM
Policiais estão ligados à cobrança de propina de contrabandistas de cigarro


16 de Maio de 2018 - 15:50           principal  |  imprimir - Enviar Materia

 

Operação contra corrupção policial tem dois tenentes-coronéis da PM

 
 
Entre os 21 mandados de prisão que estão sendo cumpridos pelas forças do Grupo de Apoio Especial no Combate ao Crime Organizado (Gaeco) nesta quarta-feira (16), existem dois contra oficiais da Polícia Militar de Mato Grosso do Sul. A informação preliminar é de que eles seriam tenente-coronéis, e estariam ligados a esquema de cobrança de propinas de contrabandistas de cigarro.

Um dos outros policiais militares presos nesta mesma operação, denominada Oiketikus, atua em Maracaju, tem a patente de cabo, e em 21 de abril de 2016 chegou a receber a medalha Tiradentes por prestar relevantes serviços à sociedade.

A ação comandada pelo Gaeco tem relação com flagrante realizado em dezembro do ano passado, quando sete policiais militares tornaram-se réus pela prática dos crimes de concussão e sequestro. Eles teriam sequestrado contrabandistas de cigarro paraguaio e cobrado R$ 150 mil para liberar o veículo. Na ocasião, dois policiais militares foram presos pelo Gaeco e interromperam a extorsão que os PMs praticavam.

RÉUS

Foram denunciados, na ocasião, o terceiro sargento Alex Duarte Aguir, os cabos Rafael Marques da Costa, Eduardo Torres de Arruda, João Nilson Cavanha Vilalva e Felipe Fernandes Alves, além dos soldados Lucas Silva de Moraes e Walgnei Pereira Garcia.

Conforme o Ministério Público Estadual, cientes da reprovabilidade de suas condutas, eles exigiram para si vantagem indevida, e, em consequência desta vantagem, deixaram de praticar ato de seus ofícios. Os denunciados ainda sequestraram a vítima Rogério Fernandes Mesquita.

*Colaborou Nicanor Coelho, de Dourados.










Plantão

.
26/05/2018 - 15:36   Caminhoneiros continuam protesto de forma pacífica em Mato Grosso do Sul
26/05/2018 - 15:21   Preso em batalhão dos bombeiros, Azeredo tem comida especial
26/05/2018 - 15:18   Miss Brasil 2017 diz que nova vencedora precisa ter ´gingado, brilho e borogodó´
26/05/2018 - 15:15   Com 66% dos votos, Irlanda decide pela legalização do aborto
26/05/2018 - 15:07   Seleção recebe familiares na Granja, e Marquezine visita Neymar
26/05/2018 - 14:02   Após negar redução do ICMS, governador se diz “a disposição das categorias”
26/05/2018 - 09:27   Festival América do Sul Pantanal movimenta Corumbá até domingo
26/05/2018 - 09:25   De topless, Bruna Marquezine deixa tatuagem a mostra em foto
26/05/2018 - 09:22   Homem é morto com facada nas costas enquanto escolhia músicas em bar
26/05/2018 - 09:20   Governo publica decreto que autoriza uso das Forças Federais
26/05/2018 - 09:19   Mega-Sena acumulada pode pagar prêmio de R$ 10 milhões neste sábado
26/05/2018 - 09:18   Homem é morto a tiros durante tentativa de assalto
26/05/2018 - 09:17   Soldado do Exército é preso acusado de furto de bicicleta
26/05/2018 - 09:15   Novoperário e Corumbaense buscam vagas na 2ª fase do Brasileiro
26/05/2018 - 09:14   Indígena é executado a tiros em plena luz do dia e polícia investiga
26/05/2018 - 09:13   Hospital Cassems cria oportunidades para jovens em situação de risco
25/05/2018 - 20:15   Itaporã fará ação mobilizadora no Dia Mundial sem Tabaco
25/05/2018 - 20:00   Itaporã fica sem transporte universitário até final da greve dos caminhoneiros
25/05/2018 - 14:43   Em reunião inédita, governador ouve demandas de cada um dos segmentos industriais do Estado
25/05/2018 - 12:35   Governo usará Exército para desobstruir rodovias, diz fonte
 
 


















Itapora Agora - Onde a Noticia Acontece

(67) 98186-1999 - Mande um whats!