Contato: (67) 98186-1999 - Mande um whats!
Home | Notícias | Fotos | Vídeos | Anúncie | Contato

Terça-feira, 21 de Agosto de 2018





LDO de 2019 prevê 3,6% a mais que valores de 2018
Projeto começou a tramitar na Assembleia Legislativa


14 de Junho de 2018 - 12:34           principal  |  imprimir - Enviar Materia

 

 
 

Projeto de Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) prevê valor de 3,6% maior que os R$ 14,497 bilhões orçados para 2018. A matéria do Executivo que propõe diretrizes para elaborações e execução de lei orçamentária de 2019 começou a tramitar na Assembleia Legislativa e almeja receita de R$ 15,048 bilhões para o próximo ano.

Ao ser apreciado no Legislativo, o projeto poderá receber emendas dos parlamentares e passará pela Comissão de Constituição, Justiça e Redação (CCJR) e pela Comissão de Acompanhamento da Execução Orçamentária. A LDO orienta a elaboração da Lei Orçamentária Anual (LOA).

Para os três próximos anos, o projeto pretende receitas de R$ 15,048 bilhões (2019), R$ 15,624 bilhões (2020) e R$ 16,333 bilhões (2021). Para 2019, o governo espera resultado primário positivo de R$ 484,89 milhões, com receita primária de R$ 14,971 bilhões e despesa primária de R$ 14,486 bilhões.

O texto estabelece, como diretrizes gerais, que a LOA 2019 “observará os parâmetros de crescimento econômico e da variação do índice de preços”. Também afirma que as políticas do governo de Mato Grosso do Sul serão guiadas pelos princípios da “superação das desigualdades sociais, raciais e de gênero” e do “fortalecimento da participação e do controle social”.

De acordo com o projeto, os valores previstos às instituições e órgãos são os seguintes: R$ 298,027 milhões (Assembleia Legislativa), R$ 282,612 milhões (Tribunal de Contas), R$ 901,789 milhões (Tribunal de Justiça), R$ 417,032 milhões (Ministério Público) e R$ 190,12 milhões (Defensoria Pública do Estado).

Esses órgãos e instituições têm até o dia 17 de agosto deste ano para apresentarem ao governo do Estado suas propostas orçamentárias.











Plantão

.
21/08/2018 - 15:45   Incêndio destrói 17 moradias e deixa 42 desabrigados em Cubatão
21/08/2018 - 15:39   CCR MSVia entrega nove cadeiras de rodas a entidades de MS
21/08/2018 - 13:06   Campanha alerta para a importância do uso dos óculos de segurança
21/08/2018 - 13:04   Intolerância à lactose e alergia ao leite: entenda as diferenças
21/08/2018 - 13:03   Conheça a cidade de Governador Celso Ramos
21/08/2018 - 13:02   Bancos de Leite Humano precisam de doações para atender bebês prematuros
21/08/2018 - 12:51   Suspeito de matar universitária tinha sido acusado de violenta execução de outra universitária
21/08/2018 - 12:05   Mulher de 25 anos tem celular roubado por homem em bicicleta, próximo do Brizolão
21/08/2018 - 12:04   Fique atento aos trechos em pare-e-siga da CCR MSVia na BR-163/MS
21/08/2018 - 11:57   Caminhão carregado de maconha tomba na MS-289 entre Amambaí e Coronel Sapucaia
21/08/2018 - 11:19   Carro carregado com maconha é apreendido na Capital
21/08/2018 - 11:19   Mega pode pagar prêmio de R$ 27,5 milhões amanhã
21/08/2018 - 11:18   Safra de cana estimada em 635 milhões de toneladas terá produção de 30 bilhões de litros de etanol
21/08/2018 - 10:36   Quer ser piloto de drone? Curso do Senai da Capital ensina como
21/08/2018 - 10:20   Polícia flagra caminhonete com meia tonelada de agrotóxico chinês
21/08/2018 - 10:19   Inadimplência do consumidor atinge 61,6 milhões no país
21/08/2018 - 10:18   Multas de trânsito já podem ser parceladas com cartão de crédito
21/08/2018 - 09:58   Vereadora Lourdes Struziati solicita Cascalhamento da ITA-35 , principal acesso ao Clube de Campo.
21/08/2018 - 09:35   Federação ajusta última rodada do Estadual Sub-19
21/08/2018 - 09:31   Traficante é preso acusado de vender droga próximo Escola Efantina no Flórida II
 
 


















Itapora Agora - Onde a Noticia Acontece

(67) 98186-1999 - Mande um whats!