Contato: (67) 98186-1999 - Mande um whats!
Home | Notícias | Fotos | Vídeos | Anúncie | Contato

Domingo, 27 de Maio de 2018





Juiz retira assessores, motoristas e benefícios de Lula
Decisão foi tomada por liminar que atende a pedido do MBL


17 de Maio de 2018 - 13:16           principal  |  imprimir - Enviar Materia

 

Juiz retira assessores, motoristas e benefícios de Lula

 
 
Um juiz federal concedeu hoje (17) uma liminar que retira os benefícios pagos pela União ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, como o cartão corporativo, assessores, motoristas, carros e seguranças. A decisão atende a uma ação popular movida por Rubens Nunes, coordenado nacional e advogado do Movimento Brasil Livre (MBL).

A liminar foi assinada pelo juiz federal Haroldo Nader, da 6ª Vara Federal da 3ª Região. O magistrado afirmou que, como o petista está detido em um prédio da Polícia Federal em Curitiba, seus benefícios não seriam mais necessários, pois Lula estaria "muito mais em segurança do que tivera quando livre".

Nader também ressaltou que, apesar da condenação do ex-presidente não mudar o que está previsto na lei em relação aos benefícios a ex-ocupantes de cargos públicos, a Constituição prevê a suspensão de atos com custos para o patrimônio da União em caso de "inexistência dos motivos" que os justificaram inicialmente. Para ele, por Lula estar preso, não precisa mais de funcionários especiais a seu dispor.

Todo ex-presidente tem direito, por lei, a uma equipe de oito pessoas paga com o orçamento da Presidência de forma vitalícia.

São quatro servidores para "segurança e apoio pessoal", dois servidores para assessoramento e dois motoristas com carros especiais. O salário desses assessores pode chegar a R$ 13 mil.

Lula está detido desde 7 de abril. Ele foi condenado pelos crimes de corrupção e lavagem de dinheiro na Operação Lava Jato, no caso envolvendo um apartamento triplex no Guarujá. (ANSA)










Plantão

.
26/05/2018 - 15:36   Caminhoneiros continuam protesto de forma pacífica em Mato Grosso do Sul
26/05/2018 - 15:21   Preso em batalhão dos bombeiros, Azeredo tem comida especial
26/05/2018 - 15:18   Miss Brasil 2017 diz que nova vencedora precisa ter ´gingado, brilho e borogodó´
26/05/2018 - 15:15   Com 66% dos votos, Irlanda decide pela legalização do aborto
26/05/2018 - 15:07   Seleção recebe familiares na Granja, e Marquezine visita Neymar
26/05/2018 - 14:02   Após negar redução do ICMS, governador se diz “a disposição das categorias”
26/05/2018 - 09:27   Festival América do Sul Pantanal movimenta Corumbá até domingo
26/05/2018 - 09:25   De topless, Bruna Marquezine deixa tatuagem a mostra em foto
26/05/2018 - 09:22   Homem é morto com facada nas costas enquanto escolhia músicas em bar
26/05/2018 - 09:20   Governo publica decreto que autoriza uso das Forças Federais
26/05/2018 - 09:19   Mega-Sena acumulada pode pagar prêmio de R$ 10 milhões neste sábado
26/05/2018 - 09:18   Homem é morto a tiros durante tentativa de assalto
26/05/2018 - 09:17   Soldado do Exército é preso acusado de furto de bicicleta
26/05/2018 - 09:15   Novoperário e Corumbaense buscam vagas na 2ª fase do Brasileiro
26/05/2018 - 09:14   Indígena é executado a tiros em plena luz do dia e polícia investiga
26/05/2018 - 09:13   Hospital Cassems cria oportunidades para jovens em situação de risco
25/05/2018 - 20:15   Itaporã fará ação mobilizadora no Dia Mundial sem Tabaco
25/05/2018 - 20:00   Itaporã fica sem transporte universitário até final da greve dos caminhoneiros
25/05/2018 - 14:43   Em reunião inédita, governador ouve demandas de cada um dos segmentos industriais do Estado
25/05/2018 - 12:35   Governo usará Exército para desobstruir rodovias, diz fonte
 
 


















Itapora Agora - Onde a Noticia Acontece

(67) 98186-1999 - Mande um whats!