Contato: (67) 98186-1999 - Mande um whats!
Home | Notícias | Fotos | Vídeos | Anúncie | Contato

Terça-feira, 19 de Junho de 2018





Funcionários da Energisa protestam contra 600 demissões nos últimos anos
Sindicato alega que concessionária é empresa que mais demite no Estado


11 de Junho de 2018 - 11:02           principal  |  imprimir - Enviar Materia

 

 
 

Funcionários da concessionária Energisa protestaram na manhã de hoje (11), na frente da sede da empresa, alertando e manifestando contra mais de 600 demissões nos últimos anos. Segundo o Sindicato dos Eletricitários de Mato Grosso do Sul (Sinergia/MS), a Energisa é a empresa que mais demite no Estado.

“Estamos com ações em outdoor pela cidade, alertando a população e a empresa. Foram 631 pessoas demitidas em menos de quatro anos. Não tem critério e causa uma pressão nos que ficam. Esse protesto foi um recado que demos, é um primeiro passo. Não descartamos uma greve”, disse o vice-presidente do sindicato, Élvio Vargas.

No protesto, que durou cerca de 1h30, os funcionários não entraram na empresa com os carro, tanto particulares, quanto de serviço. “Com faixas, explicamos nossos motivos. Ficamos ali na frente protestando. Chamamos um grupo de teatro para representar nossa situação também”, completou.

Ainda segundo o vice-presidente do Sinergia/MS, uma audiência pública deve ser convocada em breve sobre o assunto. “Vamos tentar uma audiência pública para debater a atuação da Energisa e as ações da empresa. E se a empresa continuar nos ignorando e agindo assim, não descartamos greve”, concluiu Élvio alegando que o manifesto de hoje não deve atrapalhar a execução de serviços da concessionária.











Plantão

.
19/06/2018 - 16:59   MS está em alerta após caso de poliomielite ser detectado na Venezuela
19/06/2018 - 14:50   Cadastro para atuar como Mesário Voluntário está aberto
19/06/2018 - 14:40   Bombeiros são acionados para combater incêndio na Linha do Potreirito
19/06/2018 - 14:38   Pecuarista é morto a tiros em cidade paraguaia ao lado de Paranhos
19/06/2018 - 14:30   ProUni oferece 174 mil vagas; inscrições começam dia 26
19/06/2018 - 14:27   Após matar homem perto de delegacia, pistoleiros foram perseguidos até Paraguai
19/06/2018 - 14:20   Senegal aproveita bobeiras da Polônia e vence em Moscou
19/06/2018 - 14:16   Dois jogos abrem rodada da Série B nesta terça
19/06/2018 - 14:15   STF começa julgamento de ação penal contra Gleisi e Paulo Bernardo
19/06/2018 - 13:24   Sem atingir meta, municipio de Itaporã prorroga vacinação contra a gripe até o dia 22
19/06/2018 - 10:10   Confira os projetos que estão sendo aprovados na Câmara de Itaporã
19/06/2018 - 09:40   Jessica Ellen faz ensaio nu e celebra ´iniciar novos ciclos´
19/06/2018 - 09:30   Inscrições para 500 vagas na Polícia Federal começam nesta terça
19/06/2018 - 09:20   Veículos roubados em São Paulo são recuperados em MS
19/06/2018 - 09:00   Solto pela justiça, casal volta a ser preso por assassinato de deficiente
19/06/2018 - 08:50   Copa do Mundo tem hoje últimas estreias e o início da 2ª rodada
19/06/2018 - 08:40   Dourados e Ponta Porã recebem amanhã partidas remarcadas do sub-17
19/06/2018 - 08:30   Copom inicia nesta terça-feira reunião para definir nova taxa Selic
19/06/2018 - 08:20   Ex-ministro Eliezer Batista, pai de Eike Batista, morre aos 94 anos no Rio
19/06/2018 - 08:10   Editora UEMS recebe a partir do dia 25 obras para publicação
 
 


















Itapora Agora - Onde a Noticia Acontece

(67) 98186-1999 - Mande um whats!