Contato: (67) 98186-1999 - Mande um whats!
Home | Notícias | Fotos | Vídeos | Anúncie | Contato

Quinta-feira, 21 de Junho de 2018





Fifa aumentará em US$ 40 milhões premiação para a Copa do Qatar



14 de Junho de 2018 - 11:00           principal  |  imprimir - Enviar Materia

 

 
 

A Fifa  confirmou nesta quarta-feira (13) durante o seu 68º Congresso em Moscou um aumento na premiação para a Copa do Mundo.

No torneio do Qatar, em 2022, a verba total alocada será de US$ 440 milhões (R$ 1,6 bilhão na cotação atual). Isso corresponde a 26% do investimento da entidade previsto para o torneio, que é de um total de US$ 1,6 bilhões (R$ 5,94 bilhões).

A entidade não detalhou ainda como será dividida a verba da premiação.

O valor aprovado é para um torneio de 32 seleções. Ainda há uma pequena possibilidade de ser ampliada para 48. Porém, só se as autoridades do Qatar derem o aval.

Os números já haviam sido divulgados pela entidade em março em seu relatório financeiro, que foi ratificado no Congresso.

No Mundial da Rússia, a Fifa destinará US$ 400 milhões (R$ 1,48 bilhões) em premiação. O campeão embolsará US$ 38 milhões (R$ 141 milhões).

Em 2014, no Brasil, o total pago em premiação foi de US$ 358 milhões.

Segundo os números do reporte financeiro da entidade, outros US$ 209 milhões (R$ 776 milhões) do investimento para a copa de 2022 foram destinados para beneficiar os clubes que cedem jogadores para as seleções.

Ao longo do ciclo que vai de 2019 a 2022, a Fifa espera ter receitas de US$ 6,56 bilhões (R$ 24,3 bilhões) do qual já diz ter 70% assegurado.

O valor projetado e que será alcançado no ciclo de 2015 a 2018 foi de 5,556 bilhões (R$ 20,66 bilhões). Se atingir a meta, a Fifa terá aumento de 16% em suas receitas.

"A Fifa tem economia e finanças muito sólidas neste momento. Há um tempo pensávamos que a Fifa estaria em crise econômica financeira, o que não acontece", afirmou o presidente da Conmebol Alejandro Domínguez, que preside o Comitê Financeiro da Fifa.











Plantão

.
21/06/2018 - 16:01   Argentina perde para a Croácia, se complica na Copa e depende de terceiros
21/06/2018 - 15:55   Distribuidoras estão sem gás e afirmam que problema é na Petrobras
21/06/2018 - 15:53   Genro de Silvio Santos pode ser preso no aeroporto na volta dos EUA
21/06/2018 - 08:28   Câmara de Itaporã votará na próxima segunda projeto ´Mãos solidárias´
21/06/2018 - 08:22   Caminhão abandonado é encontrado pela PRF com três toneladas de maconha
21/06/2018 - 08:16   Cheque da desembargadora Tânia Borges é encontrado em investigação do Gaeco
21/06/2018 - 08:15   Trump assina ordem para manter crianças migrantes detidas junto com os pais
21/06/2018 - 08:14   Desembargador suspende depoimento de Lula em ação da Operação Zelotes
21/06/2018 - 08:13   Ativista pede punição a brasileiros que assediaram mulher na Rússia
21/06/2018 - 08:12   Supremo tem 5 votos para derrubar lei que proíbe sátiras em período eleitoral
21/06/2018 - 08:10   Governo de Mato Grosso do Sul é contrário à venda direta do etanol
21/06/2018 - 07:48   Motorista de trator morre depois de ser atingido na traseira por caminhonete
21/06/2018 - 07:45   Segundo a polícia, vítima de acidente fatal pode ter invadido a contramão
21/06/2018 - 07:44   PSD admite lançar Fábio ao governo com a desistência de pré-candidato
21/06/2018 - 07:37   Diesel cai R$ 0,62 em distribuidoras e apenas R$ 0,32 nos postos de MS
20/06/2018 - 18:43   49 crianças brasileiras estão separadas de pais nos EUA, diz nova lista
20/06/2018 - 17:38   Para Longen, instalação de montadora de veículos elétricos trará mais inovação a MS
20/06/2018 - 17:28   Itaporã adquiri triciclo para pintura de guias e sinalização horizontal
20/06/2018 - 16:30   Mala com ´simulacro de bomba´ é encontrada na Câmara dos Deputados
20/06/2018 - 14:57   Terceirização da Sanesul pode sair ainda nesse ano, diz Azambuja
 
 


















Itapora Agora - Onde a Noticia Acontece

(67) 98186-1999 - Mande um whats!