Contato: (67) 98186-1999 - Mande um whats!
Home | Notícias | Fotos | Vídeos | Anúncie | Contato

Segunda-feira, 19 de Novembro de 2018





Ex-PM investigado por morte de Marielle diz que família sofre ameaças



16 de Maio de 2018 - 09:44           principal  |  imprimir - Enviar Materia

 
O advogado Renato Darlan, que defende o ex-PM Orlando Oliveira de Araújo, suspeito de envolvimento na morte da vereadora Marielle Franco, afirmou, em entrevista coletiva realizada nesta terça-feira (15), que a família do ex-PM está sendo vítima de ameaças.

A mulher do suspeito, que pediu para não ser identificada, disse que teve que sair de casa com a família e parentes e que também não está indo trabalhar. Ela relatou que teve uma das cercas elétricas de sua casa cortada.

Também conhecido como Orlando de Curicica, Araújo é apontado como membro de uma milícia da zona oeste do Rio e já estava preso preventivamente por um assassinato ocorrido em 2015, além de outros crimes, quando uma testemunha o apontou como um dos mandantes da morte de Marielle. Ele nega.

Segundo seu advogado, Orlando disse ter sofrido tentativa de envenenamento no presídio de Bangu. "Um carcereiro revelou a ele que ofereceram R$ 1 milhão para envenenar a comida", disse Darlan, afirmando ainda que o suspeito já está sem comer há cinco dias.

A defesa do ex-PM também pediu, nesta terça, o afastamento do titular da Divisão de Homicídios da Polícia Civil do Rio, Giniton Lages, que, segundo o defensor, teria "cometido várias ilegalidades", como intimidação e coação de Orlando, para ele assumir a participação no crime.

"Orlando contou que recebeu a visita do Giniton Lages que o obrigou a assumir o crime. Ele (Giniton) disse que só queria prender o vereador Marcello Siciliano e me daria o perdão legal", afirmou Darlan. Nas palavras do advogado, a suposta intimidação do titular da DH foi um "blefe de iniciante.

Segundo Darlan, Giniton teria dito a seu cliente que, caso ele não assumisse o envolvimento, Orlando seria imputado em outros dois homicídios, entre eles o de Carlos Alexandre Pereira, um assessor de Siciliano.

O advogado finalizou a entrevista desta terça dizendo que, em depoimento a ser prestado na quarta (16) à Polícia Civil e ao Ministério Público, Orlando vai revelar informações e nomes que comprometem a tese do envolvimento dele com o assassinato de Marielle.










Plantão

.
19/11/2018 - 12:11   Identificadas mulheres mortas em acidente na BR-060
19/11/2018 - 12:09   Grávida, Sabrina Sato posa de biquíni ao lado do marido
19/11/2018 - 11:55   Publicada exoneração de Sergio Moro no Diário Oficial da União
19/11/2018 - 11:26   Moradores acionam PMA e realiza vistoria no Rio da Prata
19/11/2018 - 10:59   Aquidauanense vence Coxim e assume a liderança da Série B
19/11/2018 - 10:39   Museu da Cidade de Manaus é inaugurado 36 anos após sua idealização
19/11/2018 - 10:36   Feriadão nas BR´s de MS termina com quatro mortes
19/11/2018 - 10:15   Exportações de celulose e óleos vegetais de MS já acumulam alta de até 87% no ano
19/11/2018 - 10:15   Antes de ser assassinado, homem passou por ‘tribunal do crime’
19/11/2018 - 09:25   Traficante brasileiro é expulso do Paraguai após matar mulher em cela
19/11/2018 - 09:23   Bolsonaro se reveza entre Rio, Brasília e São Paulo esta semana
19/11/2018 - 09:01   Maísa Silva, de 16 anos, posta foto de biquíni e rebate assediador: ´Nojento´
19/11/2018 - 09:00   Na chuva, carro sai da pista, bate em árvore e mata duas pessoas na BR-060
19/11/2018 - 08:57   MPT destina veículo para aprimorar vistoria de imóveis da União
19/11/2018 - 08:55   Mulher usa filha de 5 anos para disfarçar transporte de fuzil e munição
19/11/2018 - 08:53   Núcleo de Estudos promove dias 20 e 21 a Semana da Consciência Negra
19/11/2018 - 08:49   Pâmela Tomé, Sérgio Malheiros e Nando Rodrigues são eliminados
19/11/2018 - 08:37   Prefeitos devem conversar com Temer sobre mudanças no Mais Médicos
19/11/2018 - 08:04   Prefeitos devem conversar com Temer sobre mudanças no Mais Médicos
19/11/2018 - 07:51   Contra Camarões, Brasil realiza amanhã último amistoso do ano em Londres
 
 


















Itapora Agora - Onde a Noticia Acontece

(67) 98186-1999 - Mande um whats!