Home | Notícias | Fotos | Vídeos | Anúncie | Contato

Terça-feira, 22 de Agosto de 2017





Com 210 vagas, concurso para Polícia Civil movimenta cursinhos em MS
´Concurseiros´ investem pesado para aumentar chances


19 de Junho de 2017 - 11:17           principal  |  imprimir - Enviar Materia

 

Com 210 vagas, concurso para Polícia Civil movimenta cursinhos em MS

 
 
Anunciado por sites de concurso Brasil afora desde o ano passado, o concurso da Polícia Civil de Mato Grosso do Sul foi autorizado em abril e teve o edital publicado no último dia 8. Imediatamente, os cursinhos preparatórios já montam turmas para início imediato e duração até a véspera da prova.

Mas há quem vem se preparando antes mesmo do edital. Em um curso online, vários alunos já estudavam em módulos disponíveis com conteúdo cobrado nas provas anteriores. “Agora adicionamos os módulos de Direito Administrativo e Lógica”, informou o responsável pelas matrículas.

No modelo não presencial, o curso custa R$ 299 e inclui o conteúdo teórico, exercícios e a previsão de três simulados. As aulas de resoluções de questões serão ministradas ao vivo, sendo possível tirar dúvidas. O horário é flexível e o modelo é um dos mais escolhidos para quem, além de estudar, precisa trabalhar.

Outros dois cursos tradicionais da cidade abriram as vagas e começam em junho e julho. Em um deles, as aulas serão realizadas entre segunda e sábado, menos na quarta-feira, nos períodos matutino e noturno. Por dia, são quatro horas de aula. Para quem trabalha, um esforço a mais após o expediente, já que as aulas da noite acontecem entre 19h e 23h. Neste curso, o valor é de R$ 1,8 mil, a ser parcelado em até três vezes no cartão.

Em outro, as aulas acontecem todos os dias, de segunda a sábado, nos três turnos. A carga horária é de 260 horas com custo de R$ 2,1 mil, podendo ser parcelado em até cinco vezes no cartão e três no cheque. Em todos os cursos, os valores incluem matrícula e material didático.

Ajuda de concurseiros
No Facebook, existem ao menos três grupos com pessoas a fim de trocar informações sobre as provas, tirar dúvidas de conteúdos e do edital. Muitos concurseiros que moram fora do Estado consultam os colegas de Campo Grande sobre os custos de vida na Capital e no interior para avaliar se compensaria trocar de Estado.

Além disso, eles montaram grupos de WhatsApp para trocar ideias e dicas.

210 vagas
O edital prevê 30 vagas para delegado, 100 para escrivão e 80 para investigador da Polícia Civil, todos com reservas para negros, indígenas e portadores de necessidades especiais. Os interessados devem preencher um formulário que está disponível somente pela internet no site da organizadora do processo seletivo e pagar taxa de R$ 197,28 até às 17h do dia 10 de julho.

Para o cargo de delegado o salário previsto é de R$ 14.978,26, o mais alto do concurso, para uma carga horária de 40 horas semanais. É exigida graduação de curso superior em direito comprovada mediante apresentação, no ato da posse, de diploma devidamente registrado fornecido por instituição de reconhecida pelo MEC (Ministério da Educação), acompanhado do histórico escolar.

A seleção para essa função terá nove fases: prova escrita objetiva de caráter eliminatório, prova escrita discursiva em caráter eliminatório, avaliação médico-odontológica de caráter eliminatório, avaliação de aptidão física de caráter eliminatório, avaliação psicológica de caráter eliminatório, prova de títulos classificatória, investigação social de caráter eliminatório, prova oral de caráter eliminatório e classificatório e, por fim, curso de formação policial de caráter eliminatório e classificatório.

Somente os 750 primeiros colocados na prova escrita participarão das demais fases. A prova está marcada para o dia 20 de agosto e o resultado final deve sair em julho de 2018.

Para escrivão e investigador e escrivão o salário inicial é de R$ 3.888,26. A seleção dos candidatos inscritos para essas funções terá sete fases: prova escrita objetiva de caráter eliminatório, avaliação médico-odontológica de caráter eliminatório, avaliação de aptidão física de caráter eliminatório, avaliação psicológica de caráter eliminatório, prova de títulos classificatória, investigação social de caráter eliminatório, curso de formação policial de caráter eliminatório e classificatório.

Serão convocados para as demais fases a partir da prova escrita dois mil candidatos para o cargo de escrivão e 1,5 mil para os cargos de investigador.










Plantão

.
21/08/2017 - 19:09   Preso suspeito de desviar da prefeitura R$ 200 mil em peças de informática
21/08/2017 - 19:04   Motorista que morreu em acidente fez ultrapassagem em local proibido
21/08/2017 - 18:13   Homem mata cachorro a tiros porque animal ´invadiu´ propriedade
21/08/2017 - 18:10   Setor de carnes respondeu por 80% dos empréstimos do BNDES na gestão PT
21/08/2017 - 18:00   Indígena é encontrado morto em estrada rural e polícia investiga o caso
21/08/2017 - 17:40   Homem mata colega com quatro facadas após tarde em cabaré
21/08/2017 - 17:30   Violência Durante briga, homem é assassinado com golpes de machado
21/08/2017 - 17:30   Com aumento do desemprego, cresce número de empreendedores
21/08/2017 - 17:20   BR-463 Traficante foge e abandona carro roubado com 511 quilos de maconha
21/08/2017 - 17:00   Procon autua dois postos de combustíveis e conveniência por irregularidades
21/08/2017 - 16:40   CRIME Suspeitos de matarem homem encontrado em estrada são detidos
21/08/2017 - 16:20   Pastor é denunciado por estupro e jovem tenta suicídio no jogo da Baleia Azul
21/08/2017 - 16:10   Mulher esfaqueia marido no abdômen após desentendimento em bar
21/08/2017 - 15:50   Prisão só pode ser decretada por atraso nas três últimas parcelas da pensão
21/08/2017 - 15:30   Prazo esgotado Hoje é o último dia para agendar reavaliação no INSS
21/08/2017 - 15:20   Motorista de carro morre com celular na mão ao bater em rodotrem
21/08/2017 - 15:10   Homem é preso em aeroporto ao tentar embarcar com maconha na mala
21/08/2017 - 14:00   HU de Dourados recebe verba federal insuficiente para concluir obras
21/08/2017 - 13:42   Deputado se aposenta como médico, mas há 17 anos não atua na saúde
21/08/2017 - 12:40   Emoção marca a abertura da Semana do Excepcional realizada pela APAE em Itaporã.
 
 


















Itapora Agora - Onde a Noticia Acontece

(67) 8171-8561 - Mande um whats!