Contato: (67) 98186-1999 - Mande um whats!
Home | Notícias | Fotos | Vídeos | Anúncie | Contato

Quinta-feira, 13 de Dezembro de 2018





Cidades de MS terão R$ 13,9 milhões de compensação por usinas
Valor será destinado a 13 municípios impactados pelos empreendimentos


17 de Abril de 2018 - 08:52           principal  |  imprimir - Enviar Materia

 

Cidades de MS terão R$ 13,9 milhões de compensação por usinas

 
 
Treze municípios sul-mato-grossenses impactados por lagos de usinas hidrelétricas vão receber R$ 13,964 milhões a mais por ano de Compensação Financeira pela Utilização de Recursos Hídricos (CFURH). Hoje, estas cidades recebem R$ 33,670 milhões, valor que vai chegar a R$ 48,634 milhões por causa da aprovação na semana passada pelo Senado Federal do PLC 315/2009. O texto depende ainda de sanção presidencial para entrar em vigor.

Este incremento de caixa nos cofres municipais vai ocorrer porque o projeto eleva em 20 pontos porcentuais o recurso da CFURH a ser destinado aos municípios. Até agora, 45% do valor total da compensação era destinado aos governos estaduais; 45% para os municípios; e 10% para a União – destes, 3% para o Ministério de Meio Ambiente, 3% para o Ministério de Minas e Energia, e 4% para o Fundo Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (FNDCT).

O texto aprovado reduz o percentual de repasse para os estados de 45% para 25%, transferindo essa diferença para os municípios, que passam da faixa de 45% para 65%. 

Para o presidente da Associação Nacional dos Municípios Sedes de Usinas Hidroelétricas (AMUSUH) e prefeito de Abdon Batista (SC), Lucimar Salmória, essa vitória é resultado da união das forças políticas dos prefeitos. “A aprovação faz justiça com esses municípios que tanto contribuem para o desenvolvimento do nosso País. Quem ganhou foi o nosso País”, afirmou Salmória. A entidade, que representa 729 cidades distribuídas em 21 estados, luta há quase uma década pela redistribuição da compensação.



Correio do Estado










Plantão

.
13/12/2018 - 11:38   Polícia Militar em Itaporã intensifica policiamento no final de ano.
13/12/2018 - 10:33   Cardápio saboroso para esta quinta-feira no Restaurante e Choperia Rei dos Espetos
13/12/2018 - 10:01   Cirilo e Pepa são afastados pela Justiça e suplentes assumem hoje
13/12/2018 - 10:00   Operação contra tráfico e roubo termina com cinco presos em Dourados
13/12/2018 - 09:34   PF cumpre mandado de busca em investigação de ameaça a Bolsonaro
13/12/2018 - 09:29   Deputados votam 23 projetos hoje, 14 em regime de urgência
13/12/2018 - 09:00   Vereadores de Itaporã votaram projeto que estabelece Diretrizes de Saneamento Básico no Município
13/12/2018 - 08:50   Artigo: Os diversos papéis das mulheres e a importância da empatia
13/12/2018 - 08:47   3 motivos para fazer o curso técnico em segurança do trabalho do Senai em Nova Andradina
13/12/2018 - 08:39   Para Fiems, reforma do aeroporto de Campo Grande vai fomentar indústria do turismo
13/12/2018 - 08:29   Longen diz que projeto sobre incentivos aprovado na Câmara atrairá mais indústrias para MS
13/12/2018 - 08:24   “Corrida e Caminhada Copasul” reuniu mais de 200 participantes
13/12/2018 - 08:22   Temperaturas vão ficar acima da média histórica entre dezembro e fevereiro
13/12/2018 - 07:59   Geraldo vai assumir a saúde e Murilo a infraestrutura
13/12/2018 - 07:48   Jovem de 15 anos morre ao ser atingida por raio em Amambaí
12/12/2018 - 19:26   Adolescente morre afogado durante banho com amigos em lagoa
12/12/2018 - 19:23   Delegado e vereadora de Itaporã propõe conscientização sobre violência doméstica e sexual
12/12/2018 - 16:52   Encontro discute combate à violência contra a mulher nos municípios de fronteira
12/12/2018 - 16:50   Murilo e Geraldo são cotados para assumir secretarias no governo Azambuja
12/12/2018 - 16:39   Homem rodeado por jacarés é resgatado de riacho em MS
 
 


















Itapora Agora - Onde a Noticia Acontece

(67) 98186-1999 - Mande um whats!