Contato: (67) 98186-1999 - Mande um whats!
Home | Notícias | Fotos | Vídeos | Anúncie | Contato

Sábado, 19 de Janeiro de 2019





Atingida pela estiagem, produtividade da soja terá queda de 10,9%



11 de Janeiro de 2019 - 09:20           principal  |  imprimir - Enviar Materia

 
O acompanhamento mensal da safra de grãos realizado pela Conab (Companhia Nacional de Abastecimento), divulgado nesta quinta-feira, dia 10 de janeiro, destaca mais uma consequência negativa da estiagem registrada em Mato Grosso do Sul. 

A primeira pesquisa foi divulgada na 1ª semana de janeiro, quando a Aprosoja (Associação de Produtores de Soja de Mato Grosso do Sul), por intermédio do monitoramento realizado em todas regiões do Estado no Siga Web, confirmou que o percentual de produção terá uma queda na produção de, no mínimo, 11%. 

Cabe destacar que a estimativa inicial de produção para o Estado foi de 10 milhões de toneladas, caracterizando uma super safra, obtida em 2,82 milhões de hectares semeados para o ciclo 2018/2019. 

Segundo o diretor executivo da associação, Frederico Azevedo, ainda é cedo para estabelecer dados de perdas, visto que a colheita começou a pouco tempo.

"Como estamos na metade da safra, há de se esperar a consolidação da colheita para confirmarmos de quanto será o índice de perda ou recuperação. O produtor acaba trabalhando com a média geral de produção de sua propriedade, sendo que é normal haver variações por variedade plantada, época de plantio e talhão plantado, entre outros fatores", explica. 

Azevedo acrescenta que para as variedades de soja que tiveram ciclos mais curtos ou foram plantadas a partir do fim do vazio sanitário em 15 de setembro, as perdas serão irreversíveis. 

"Como a semeadura deu-se de forma espaçada, ou seja, foram registrados plantios até 16 de novembro, há possibilidade real de manutenção de produtividade nas outras lavouras. O fato de ainda estarmos na metade do ciclo indica ainda a possibilidade de uma recuperação da produtividade, entretanto, fato é que uma super safra no MS como era esperada dificilmente irá se concretizar", conclui o diretor da Aprosoja/MS.

PRODUTIVIDADE

Uma das análises feitas pela equipe técnica da Conab aponta que a instabilidade climática resultou em estiagem em algumas regiões do Estado. O impacto imediato será verificado no volume de produção e na produtividade de sacas colhidas por hectare. A estimativa é de que aconteça uma quebra de 10,9%, o que representa diminuir de  3.593 kg/ha da safra anterior para 3.200 kg/ha. 

A justificativa técnica para esta previsão destaca que o estresse hídrico e as temperaturas elevadas resultou no amarelamento precoce das folhas, e em casos mais graves no total murchamento. 

Além disso houve antecipação da maturação das lavouras mais antigas, que foram semeadas em setembro e início de outubro, prejudicando a floração e o enchimento de grãos das demais lavouras. 

De acordo com a Conab, a definição geral das perdas só será possível após a normalização do clima, pois está acontecendo muita variação no período de chuvas, que oscilam entre 12 e 25 dias. 

CENÁRIO ATUALIZADO

Conforme o monitoramento realizado na última semana de dezembro, cerca de 20% das lavouras de soja de Mato Grosso do Sul encontravam-se em fase vegetativa, 35% em floração, 40% na etapa de enchimento dos grãos e 5% já em fase de maturação. 

Sobre a qualidade das lavouras, a avaliação dos técnicos da Conab é de que 35% estão boas, 55% em situação regular e 10% ruins. Em contrapartida, a informação positiva é de que pragas e doenças não tiveram registros considerados relevantes, em razão da rapidez no combate aos problemas identificados. 











Plantão

.
19/01/2019 - 09:47   Hoje é dia de churrasco no Restaurante e Choperia Rei dos Espetos
19/01/2019 - 09:17   Jovem comete suicídio após escrever bilhete e trocar mensagens com a namorada
19/01/2019 - 09:15   Campanha vai orientar pescadores sobre proibição da pesca ao Dourado em MS
19/01/2019 - 09:12   A dessalinização da água do mar pode acabar com a sede
19/01/2019 - 09:08   Resumo de Novelas: Ondina provoca Sampaio, expondo seu amor por Valentina
19/01/2019 - 08:42   WhatsApp limita compartilhamento de mensagens para até 5 pessoas
19/01/2019 - 08:34   Novidades Netflix: Serial killers, genocídios e zumbis estão nos originais da semana
19/01/2019 - 08:31   Previdência: reforma chega ao Congresso em meados de fevereiro
19/01/2019 - 08:30   Funcionária de peixaria é importunada sexualmente e homem é preso em flagrante
19/01/2019 - 08:25   Homem com sinais de embriaguez morre ao cair da cachoeira do Inferninho
19/01/2019 - 08:21   Justiça tenta localizar 70 mil devedores ´desaparecidos´ de Campo Grande
19/01/2019 - 08:18   Jovem é preso após ser flagrado pichando bancos da Orla Morena
19/01/2019 - 08:15   Com 17 mil inscritos, concurso do IFMS aplica prova amanhã em Campo Grande
19/01/2019 - 08:12   Guia do futebol: o que você precisa saber sobre o 41º Estadual de MS
19/01/2019 - 08:10   Ceptec emite alerta de chuvas intensas em todo o Estado, mas calorão continua
19/01/2019 - 08:07   Morador de rua tenta furtar veículo de dentro de casa e é linchado por vizinhos
19/01/2019 - 07:45   Operação reforça abordagens a suspeitos e veículos na fronteira
19/01/2019 - 07:37   Cleo Pires arrasa de topless na praia e comenta o bronze: "torrada na foto"
19/01/2019 - 07:35   Estadual de futebol começa hoje com estreia do tigre douradense
19/01/2019 - 07:30   Marcelo Yuka, fundador d´O Rappa, morre aos 53 anos no RJ
 
 


















Itapora Agora - Onde a Noticia Acontece

(67) 98186-1999 - Mande um whats!