Home | Notícias | Fotos | Vídeos | Anúncie | Contato

Sexta-feira, 19 de Janeiro de 2018





Após reclamar de demora de investigação, André se torna réu pela 1ª vez na Lama Asfalto



13 de Janeiro de 2018 - 19:45           principal  |  imprimir - Enviar Materia

 

Após reclamar de demora de investigação, André se torna réu pela 1ª vez na Lama Asfáltica

 
 

O juiz substituto da 3ª Vara Federal de Campo Grande, Rodrigo Boaventura Martins, aceitou a primeira denúncia contra o ex-governador André Puccinelli (PMDB), que se tornou réu, pela primeira vez, na Operação Lama Asfáltica. O peemedebista tinha reclamado da demora na investigação em novembro, quando teve a prisão preventiva decretada pela Justiça.

Agora, o ex-governador, o empresário João Amorim, o ex-deputado Edson Giroto e mais 10 pessoas vão responder criminalmente pela denúncia de corrupção, fraude em licitações e desvios de recursos públicos em obras de infraestrutura.

Puccinelli é acusado de chefiar uma organização criminosa especializada em desviar aproximadamente R$ 235 milhões dos cofres públicos, conforme investigação da Polícia Federal e do MPF (Ministério Público Federal).

A primeira ação penal contra o peemedebista foi protocolada no dia 12 de dezembro do ano passado, um mês após ele ser preso, e recebida pelo magistrado no dia 14 do mesmo mês. No entanto, o despacho do juiz só se tornou público nesta sexta-feira.

Esta não dever ser a única denúncia contra Puccinelli. Giroto, que foi secretário de Obras nas gestões do peemedebista como prefeito da Capital e governador do Estado, tornou-se réu pela quarta vez.

Puccinelli está com os bens bloqueados por meio de três liminares da Justiça Federal, que totalizam R$ 303 milhões. Ele se lançou pré-candidato a governador pelo PMDB nas eleições deste ano. Aliados devem usar a candidatura para tentar minimizar as próximas denúncias.

Boaventura Martins já sinalizou que vai acatar o pedido do peemedebista, que se queixou da demora do caso. A Operação Lama Asfáltica começou em 2013, mas sofreu atrasos devido ao foro privilegiado de Puccinelli, quando era governador, e de Giroto, como deputado federal. O caso só deslanchou em julho de 2015, quando os dois não tinham mais foro privilegiado.

O magistrado determinou que a Justiça Federal implante todas as medidas legais possíveis para apressar o julgamento do processo.

Os 13 réus

1 – André Puccinelli

2 – Edson Giroto

3 – Maria Wilma Casanova Rosa

4 – Hélio Yudi Komiyama

5 – Edmir Fonseca Rodrigues

6 – Luiz Cândido Escobar

7 – Fausto Carneiro da Costa Filho

8 – Wilson Roberto Mariano de Oliveira (Beto Mariano)

9 – Marcos Tadeu Enciso Puga

10 – Maria Regina Bertagnolli de Gonçalves

11 – João Amorim

12 – Elza Cristina Araújo dos Santos

13 – Romeu Tadeu Menossi



Por: Folha de Dourados











Plantão

.
19/01/2018 - 12:20   Joãozinho Engraxate´ morre aos 66 anos em Dourados
19/01/2018 - 12:00   Conselho define procedimentos para saque de cotas do PIS/Pasep
19/01/2018 - 11:40   Acidentes graves em rodovias federais caem 7,5% em 2017; número de multas sobe
19/01/2018 - 10:40   Homem que estava caçando é preso pela Polícia Ambiental ao tentar fugir; armas e munições são apreendidas
19/01/2018 - 10:20   Taylor Swift e sua família são ameaçados de morte por perseguidor da cantora, diz site
19/01/2018 - 10:00   Entregas de uniformes em escolas da Rede Estadual começam com um mês de antecedência
19/01/2018 - 09:58   Mãe abre portão e filho acaba esfaqueado por vizinho
19/01/2018 - 09:26   Ministério da Educação reconhece 50 cursos de ensino superior
19/01/2018 - 09:19   Entregas de uniformes em escolas da Rede Estadual começam com um mês de antecedência
19/01/2018 - 08:53   Vídeo produzido por produtores de Sidrolândia viraliza nas redes sociais de Bolsonaro
19/01/2018 - 08:45   Terminam hoje inscrições para vagas com salários de até R$ 8,4 mil
19/01/2018 - 08:40   Chuva abre cratera em rodovia de MS, carro cai e duas pessoas ficam feridas
19/01/2018 - 08:20   MS quer Maracaju como ponto de partida da Ferroeste
19/01/2018 - 08:07   Prazo para segunda etapa de matriculas na rede estadual termina nesta 6ª feira
19/01/2018 - 08:02   Motorista que atropelou em Copacabana não havia ingerido bebida alcoólica, aponta exame
19/01/2018 - 08:01   Internacional goleia Santos e encara São Paulo na semifinal da Copa SP
19/01/2018 - 08:00   Queda de 5% no preço do gás de cozinha terá efeito mínimo
19/01/2018 - 07:56   Anistia Internacional defende ações imediatas para conter violência policial
19/01/2018 - 07:53   Levantamento aponta recorde de mortes por homofobia no Brasil em 2017
19/01/2018 - 07:47   Tesouro capta US$ 1,5 bilhão no exterior com juros mais baixos em 4 anos
 
 


















Itapora Agora - Onde a Noticia Acontece

(67) 8171-8561 - Mande um whats!