Home | Notícias | Fotos | Vídeos | Anúncie | Contato

Segunda-feira, 22 de Janeiro de 2018





Apesar de surto, nova campanha contra febre amarela está descartada em MS



12 de Janeiro de 2018 - 15:48           principal  |  imprimir - Enviar Materia

 

 
 

Apesar do surto de febre amarela silvestre na região sudeste do Brasil, onde 21 mortes foram registradas até esta sexta-feira (12), apenas no estado de São Paulo, a SES (Secretaria de Estado de Saúde) descartou a possibilidade de uma nova campanha de vacinação em Mato Grosso do Sul.

De acordo com a SES, como Mato Grosso do Sul faz parte do grupo de 21 estados considerados endêmicos pelo Ministério da Saúde, até o momento não há necessidade de novas ações, já que o surto da doença nessas localidades não oferece risco à população do estado.

A Secretaria reforça que, para realização de uma nova campanha seria necessária uma recomendação do Ministério e que até o momento isso não ocorreu.

Segundo a secretaria, pessoas que vêm das regiões onde há registro de casos recentes da doença para Mato Grosso do Sul, devem realizar a imunização em seus estados. Conforme a SES, os estoques de vacina da doença estão normalizados e disponíveis para a população nas unidades de saúde do estado, caso seja necessário posteriormente.

Surto

Os primeiros casos da doença ocorreram ainda em outubro do ano passado, onde 10 casos foram registrados em São Paulo. Na ocasião, a Secretaria de Saúdo do estado informou que todas as pessoas infectadas moravam na região do dos parques Horto Forestal e Cantareira, região norte do município.

À época, mortes de macacos também foram registradas e o parque chegou a ser fechado. Até o momento, há registro de mortes também em Minas Gerais e Rio de Janeiro.

Segundo o Instituto Adolfo Lutz, onde os testes nos animais são feitos, entre julho de 2016 e janeiro de 2018, 2.491 mortes de macacos foram registradas. Destes, 617 estavam contaminados pela febre amarela, 61,5% apenas na cidade de Campinas.

Uma lista com o nome das cidades que o Ministério da Saúde recomenda a vacinação contra a doença pode ser consultada aqui.

Contágio

A contaminação ocorre quando um ser humano ou um primata é picado pelo mosquito transmissor da doença, Haemagogus, para febre amarela silvestre, e Aedes aegypti, para febre amarela urbana.

doença ocorre da seguinte maneira: na fase inicial, há ocorrência de dores de cabeça, febre, perda de apetite, náuseas e vômito e dores musculares, principalmente na região das costas.

Na fase tóxica, os sintomas são agravados e podem ser registrados sintomas febres altas, amarelamento de pele e olhos, sangramento da boca, nariz, olhos e estômagos, vômitos, órgão como fígado e rins são comprometidos, dores abdominais e escurecimento da urina.











Plantão

.
22/01/2018 - 11:00   Cármen Lúcia suspende posse de Cristiane Brasil no Ministério do Trabalho
22/01/2018 - 10:40   Ascensão de bilionários no Brasil foi recorde em 2017, aponta pesquisa0
22/01/2018 - 10:20   Na reta final, Tite quer jogos contra seleções do Mundial
22/01/2018 - 10:00   De novo sem torcida e com presidente novo, Vasco desencanta e vence
22/01/2018 - 09:40   De virada, Corumbaense vence bem e sai na frente por vaga na Copa Verde
22/01/2018 - 09:20   Em recuperação, Pelé diz estar pronto para acompanhar Brasil na Copa
22/01/2018 - 09:00   Fundos patrimoniais são saída para sustentabilidade financeira de ONGs
22/01/2018 - 08:40   Trump diz que Senado deve mudar regras se impasse continuar
22/01/2018 - 08:20   Trump diz que Senado deve mudar regras se impasse continuar
22/01/2018 - 08:12   Empresários promovem dias 28, 29 e 30 de janeiro na Capital a 6ª Feira de Calçados, Couros e Acessórios
22/01/2018 - 08:00   Eleição 2018: Partidos já negociam aliança política
22/01/2018 - 07:40   Estado muda regras para aumentar a arrecadação
22/01/2018 - 07:20   Criação de leitos, SUS regride e em dois anos sofre queda de 90%
22/01/2018 - 07:00   Carro bate em árvore, uma pessoa morre e outra fica ferida em Dourados
22/01/2018 - 06:42   Depois do domingo quente, inicio de semana começa chuva em Itaporã
22/01/2018 - 06:16   Homem é executado a tiros de pistola na frente da esposa em borracharia
21/01/2018 - 09:00   Banho de sol em plena Avenida chama atenção e mobiliza polícia em Maracaju
20/01/2018 - 13:40   Brasileiros de todas as classes têm dificuldade para poupar
20/01/2018 - 13:20   Falta clareza em acordo que permite retomada do Aquário do Pantanal
20/01/2018 - 13:00   Defesa Civil registra 18 municípios que decretaram emergência
 
 


















Itapora Agora - Onde a Noticia Acontece

(67) 8171-8561 - Mande um whats!