Home | Notícias | Fotos | Vídeos | Anúncie | Contato

Segunda-feira, 22 de Janeiro de 2018





UFN3 deverá ser retomada em março ao custo de R$ 2 bilhões
Com 80% das obras concluídas, valor seria necessário para colocar fábrica em operação


12 de Outubro de 2017 - 08:41           principal  |  imprimir - Enviar Materia

 

 
 

As obras da Fábrica de Fertilizantes Nitrogenados  da Petrobras em Mato Grosso do Sul, abandonadas há três anos, devem ser retomadas até março do próximo ano e deverão custar, ao novo comprador, um investimento extra de R$ 2 bilhões para concluir o projeto. A construção parou em dezembro de 2014, quando a estatal rompeu contrato com o consórcio até então responsável, composto pelas empresas Galvão Engenharia – denunciada na Lava-Jato – e Sinopec.

De acordo com o secretário de Desenvolvimento Econômico de Três Lagoas, Antônio Luiz Teixeira Empke Júnior, a expectativa é que tanto a conclusão do processo de venda quanto a retomada efetiva da construção corram no primeiro trimestre do próximo ano. “Está sendo feito todo um planejamento estratégico para essa venda. Então, a nossa expectativa é que até março ocorra a retomada da obra. Está sendo feito um planejamento estratégico para que a venda e retomada se concretize”, destacou.

No entanto, os quase três anos de paralisação aumentaram o custo do projeto. Quando paralisada, estimava-se que a obra, com 80,95% do projeto executado, havia consumido em torno de R$ 3 bilhões – dos R$ 3,2 bilhões previstos inicialmente. Agora, explicou o secretário,  serão necessários mais R$ 2 bilhões para concluir o projeto. “É um levantamento primário que fizeram, apontando que precisariam de mais R$ 2 bilhões para concluir a obra. Pode ser que este valor aumente. Muito do que foi feito na obra, por conta do desgaste natural, vai ter que ser refeito, destruído ou trocado por novo”, destacou. Quando paralisada, a estimativa é que seriam necessários R$ 700 milhões para a construção. 

Reportagem completa está na edição de hoje do Correio do Estado.











Plantão

.
22/01/2018 - 11:00   Cármen Lúcia suspende posse de Cristiane Brasil no Ministério do Trabalho
22/01/2018 - 10:40   Ascensão de bilionários no Brasil foi recorde em 2017, aponta pesquisa0
22/01/2018 - 10:20   Na reta final, Tite quer jogos contra seleções do Mundial
22/01/2018 - 10:00   De novo sem torcida e com presidente novo, Vasco desencanta e vence
22/01/2018 - 09:40   De virada, Corumbaense vence bem e sai na frente por vaga na Copa Verde
22/01/2018 - 09:20   Em recuperação, Pelé diz estar pronto para acompanhar Brasil na Copa
22/01/2018 - 09:00   Fundos patrimoniais são saída para sustentabilidade financeira de ONGs
22/01/2018 - 08:40   Trump diz que Senado deve mudar regras se impasse continuar
22/01/2018 - 08:20   Trump diz que Senado deve mudar regras se impasse continuar
22/01/2018 - 08:12   Empresários promovem dias 28, 29 e 30 de janeiro na Capital a 6ª Feira de Calçados, Couros e Acessórios
22/01/2018 - 08:00   Eleição 2018: Partidos já negociam aliança política
22/01/2018 - 07:40   Estado muda regras para aumentar a arrecadação
22/01/2018 - 07:20   Criação de leitos, SUS regride e em dois anos sofre queda de 90%
22/01/2018 - 07:00   Carro bate em árvore, uma pessoa morre e outra fica ferida em Dourados
22/01/2018 - 06:42   Depois do domingo quente, inicio de semana começa chuva em Itaporã
22/01/2018 - 06:16   Homem é executado a tiros de pistola na frente da esposa em borracharia
21/01/2018 - 09:00   Banho de sol em plena Avenida chama atenção e mobiliza polícia em Maracaju
20/01/2018 - 13:40   Brasileiros de todas as classes têm dificuldade para poupar
20/01/2018 - 13:20   Falta clareza em acordo que permite retomada do Aquário do Pantanal
20/01/2018 - 13:00   Defesa Civil registra 18 municípios que decretaram emergência
 
 


















Itapora Agora - Onde a Noticia Acontece

(67) 8171-8561 - Mande um whats!