Home | Notícias | Fotos | Vídeos | Anúncie | Contato

Sexta-feira, 20 de Outubro de 2017





Caças da FAB interceptam mais de 150 aviões em voos suspeitos
Voos clandestinos, um dos meios de transporte do tráfico, tiveram redução de 80%


13 de Outubro de 2017 - 08:40           principal  |  imprimir - Enviar Materia

 

 
 

O tráfego aéreo clandestino nas regiões brasileiras de fronteira, especialmente com a Bolívia e o Paraguai, principal meio de transporte para grandes carregamentos de cocaína, sofreu uma redução de 80%, o que implica também em uma diminuição dessa modalidade de tráfico. A informação é da Força Aérea Brasileira (FAB), que realiza ações de patrulhamento do espaço aéreo, entre elas etapas da Ostium, operação iniciada em março.

De acordo com informações da FAB, até o momento, foram efetuadas cerca de 150 interceptações de aeronaves em voos suspeitos. Aviões de caça, helicópteros e outros são empregados com o objetivo de coibir voos irregulares que possam estar ligados a crimes como o narcotráfico, sobre fronteiras, além de ajudar no monitoramento de deslocamentos terrestres por estradas vicinais.

Uma das interceptações executadas pelos caças da FAB, em junho, permitiu a apreensão de um avião que transportava 653 quilos de cocaína. Uma aeronave Super Tucano A-29, que decolou da Ala 5 (antiga Base Aérea de Campo Grande), fez a interceptação do voo em Mato Grosso. 

O aparelho transportava entorpecente a partir da Bolívia, e no Brasil foi carregado em fazenda no município de Campo Novo de Parecis (MT). O destino era Santo Antônio Leverger, mas o caça que partiu da Capital fez a interceptação. O piloto militar chegou a fazer disparo de advertência. O pouso só aconteceu em uma fazenda no município de Jussara (GO). 











Plantão

.
19/10/2017 - 22:50   Vereadora Lourdes Struziati visita gabinete deputado Pedro kemp e João Grandão
19/10/2017 - 21:25   Cavalo morre enforcado ao tentar beber água em córrego
19/10/2017 - 17:36   Sanesul de Itaporã comunica que faltará água em 13 bairros nesta sexta-feira
19/10/2017 - 16:50   Itaporã: chuva chega após tempestade de Terra amenizando o calor
19/10/2017 - 14:31   Ventania derruba árvore e destrói Blazer comprada há uma semana em Dourados
19/10/2017 - 14:22   Nova série da Netflix, ´O Justiceiro´ ganha data de estreia
19/10/2017 - 14:17   Com estoque quase zerado, Hemosul necessita de sangue O positivo e negativo
19/10/2017 - 14:14   Após briga em banho de sol, lutador e Nando podem ser transferidos de presídio
19/10/2017 - 14:09   Águas Guariroba está entre as 150 melhores empresas para se trabalhar no Brasil
19/10/2017 - 14:05   Casal é detido por dar aulas de crossfit sem autorização do Conselho
19/10/2017 - 14:02   Deputados cogitam liminar para retorno dos abates em frigoríficos no Estado
19/10/2017 - 13:58   Manifestantes tentam entrar na Assembleia com faca, bebida e explodem bomba
19/10/2017 - 13:54   Corrêa garante que CPI vai entrar com liminar para retomada de abates
19/10/2017 - 13:51   Suspeito de abusos sexuais oferecia presentes para menores
19/10/2017 - 13:46   Novo trecho do macroanel rodoviário ligará saídas de Cuiabá e Rochedo
19/10/2017 - 12:59   Em Itaporã tempestade de terra deixa município em Alerta
19/10/2017 - 10:08   Batata e alface registram menores preços nas gôndolas
19/10/2017 - 10:00   Estudante de medicina é presa levando ossada para envernizar em chácara
19/10/2017 - 09:38   Jornalista é preso em flagrante depois de receber R$ 7 mil de prefeito
19/10/2017 - 09:33   Lutador que matou hóspede e Nando trocam agressões em presídio
 
 


















Itapora Agora - Onde a Noticia Acontece

(67) 8171-8561 - Mande um whats!