Contato: (67) 98186-1999 - Mande um whats!
Home | Notícias | Fotos | Vídeos | Anúncie | Contato

Quarta-feira, 12 de Dezembro de 2018





Após três anos em queda, divórcios sobem 2,5% no país



14 de Abril de 2018 - 07:10           principal  |  imprimir - Enviar Materia

 

Os divórcios extrajudiciais – que não ocorrem perante os órgãos da justiça – aumentaram 2,5% em 2017 em todo o país. Os cartórios de notas, hoje chamados de tabelionatos de notas, lavraram 69.926 divórcios no ano passado, ante 68.232 no ano anterior. Os dados são do Colégio Notarial do Brasil – Seção São Paulo (CNB/SP).

Esta é a primeira alta no número de divórcios extrajudiciais em todo o Brasil após três anos consecutivos em queda: 2016 (-1,3%), 2015 (-2,3%) e 2014 (-0,4%). Segundo o presidente do CNB de São Paulo, Andrey Guimarães Duarte, a mudança foi causada principalmente em razão da lei 11.441 de 2007, que normatizou a realização de divórcio extrajudicial, e da Emenda Constitucional 66, de 2010, que reduziu a burocracia para a separação.

“Havia um número represado de casais que desejavam se divorciar [antes da aprovação das leis]. Agora é normal [o número] que se estabilize ou diminua. Como podemos analisar, houve uma variação positiva, mas nada que saia da curva do normal”, disse Duarte.

De acordo com o levantamento, São Paulo foi o estado que mais registrou divórcios em 2017, com 17.269, número 1,5% maior que os 16.998 computados em 2016. O estado paulista é seguido, respectivamente por Paraná e Minas Gerais. A mesma tendência foi verificada na capital paulista, que apresentou uma das maiores altas do país. Os cartórios registraram na cidade 5.882 divórcios em 2017, 9% acima aos 5.361 em 2016.

Tabelionato de notas

De acordo com o CNB,  o divórcio pode ser resolvido em poucas horas em um tabelionato caso não haja bens a partilhar. É necessário, no entanto, que as partes apresentem todos os documentos exigidos e estejam acompanhados por um advogado.

Podem se divorciar em um tabelionato de notas os casais sem filhos menores ou incapazes. Aqueles que têm filhos com menos de 18 anos devem estar com questões como pensão, guarda e visitas já previamente resolvidas no âmbito judicial. Também é necessário que não exista litígio entre o casal.











Plantão

.
12/12/2018 - 19:26   Adolescente morre afogado durante banho com amigos em lagoa
12/12/2018 - 19:23   Delegado e vereadora de Itaporã propõe conscientização sobre violência doméstica e sexual
12/12/2018 - 16:52   Encontro discute combate à violência contra a mulher nos municípios de fronteira
12/12/2018 - 16:50   Murilo e Geraldo são cotados para assumir secretarias no governo Azambuja
12/12/2018 - 16:39   Homem rodeado por jacarés é resgatado de riacho em MS
12/12/2018 - 16:05   Catedral de Campinas celebra missa em homenagem às vítimas de ataque
12/12/2018 - 15:35   Dani Calabresa e Marcelo Adnet posam juntos em especial de humor
12/12/2018 - 14:38   PMA autua fazendeiro em R$ 13 mil por incêndio em vegetação de desmatamento ilegal pelo qual já havia sido autuado
12/12/2018 - 11:00   Crescem as exportações de arroz brasileiro
12/12/2018 - 10:46   Cardápio saboroso para esta quarta-feira, 12/12, no Restaurante e Choperia Reis dos Espetos
12/12/2018 - 10:40   PMA autua dois em fazenda com capivara que tinham acabado de abater a tiros em trator
12/12/2018 - 10:20   Sem sucesso: bandidos tentam furtar agência bancária, alarme dispara e ladrões saem correndo
12/12/2018 - 10:00   Com energia cortada, jovem vence olimpíada de matemática estudando com luz de poste
12/12/2018 - 09:27   Copasul 40 anos: Grande evento reuniu cooperados e fundadores em Naviraí
12/12/2018 - 09:02   Com prisão decretada desde setembro, Dado Dolabella é considerado foragido da Justiça
12/12/2018 - 09:00   Senai de Três Lagoas está com matrículas abertas para 300 vagas em 6 cursos técnicos
12/12/2018 - 08:58   Campanha de vacinação do Sesi imunizou 13,4 mil trabalhadores de indústria em 2018 no Estado
12/12/2018 - 08:40   Desembargadora Tânia Borges é alvo de novo processo no CNJ
12/12/2018 - 08:26   Rotary Club e Sicredi de Itaporã fazem entrega de equipamentos ao Hospital Municipal
12/12/2018 - 08:21   Mãe tenta vender virgindade da filha de 13 anos na Internet por quase 100 mil reais
 
 


















Itapora Agora - Onde a Noticia Acontece

(67) 98186-1999 - Mande um whats!